Might of Ra

A BYD lançou a pedra fundamental do complexo fabril para produzir carros, chassis de ônibus e processar lítio e ferro fosfato, em Camaçari, Bahia. O investimento será de R$ 3 bilhões, com estimativa de geração de 5 mil empregos

“Há 28 anos, a BYD começou como uma empresa chinesa de baterias e com grandes sonhos. Vimos que as alterações climáticas e o congestionamento nas cidades seriam os principais problemas que a sociedade enfrentaria e sonhamos que poderíamos gerar energia a partir do sol, eletrificar a rede, tornar todos os veículos elétricos e aliviar o congestionamento. O Brasil é um mercado incrivelmente promissor e pode ser um exemplo para o mundo de que a eletrificação não só é possível, como também melhora a vida de todos aqui”, afirmou Wang Chuanfu, CEO e fundador da BYD.

Se cuida Ora 03 GT, BYD lança Dolphin Plus com 204 cv

BYD inaugura complexo fabril na Bahia

As três fábricas irão produzir chassis de ônibus, caminhões elétricos, veículos de passeio elétricos e híbridos, e processar lítio e ferro fosfato. A partir de agora, a expectativa é iniciar a produção entre o fim de 2024 e o início de 2025, com capacidade instalada próxima dos 150 mil veículos por ano durante a primeira fase de implantação.

A BYD tem mais de 600 mil funcionários em todo o mundo, dos quais 90 mil são engenheiros de diversos segmentos diferentes e a marca conta também com 11 centros de pesquisa espalhados pelo globo. A empresa solicita uma média de 19 patentes por dia e, atualmente, possui 40 mil patentes registradas e, destas, 28 mil em âmbito mundial. Os veículos eletrificados da companhia estão rodando em mais de 70 países e em 6 continentes há mais de dez anos.

Share This
Might of Ra Mapa do site